Make your own free website on Tripod.com

 

A PEDRA DA LUZ      

                                                                        

 UM POUCO  SOBRE  A  MAÂT

Nasci e fui criada  num lar tipicamente  cristão . Meus pais também  foram cristãos de nascimento (católico/evangélico). Nasci quando eles já haviam se convertido à seita das Testemunhas de Jeová e vivi durante toda minha vida entre elas.

  Ainda sou uma Testemunha de Jeová e, por causa disto, o nome pelo qual sou conhecida aqui neste espaço é Maât  pois  infelizmente, o castigo imposto por esta seita as pessoas que resolvem pesquisar, buscar e informar o que sabem sobre o outro lado dela, nos é ingrato. Ficamos passíveis de uma expulsão (desassociação) e, mesmo que um dia eu resolvesse me dissociar ( desligamento   por livre e espontânea vontade ) contudo,  formalmente  , ainda assim o tratamento que receberia seria igual ao que é dado aos expulsos  incluindo neste caso o afastamento de  pessoas amigas e queridas  com quem convivo durante todos estes anos já que estas ficarão passíveis de punição por terem qualquer tipo de contato comigo  bem como e talvez aí esteja o pior dos castigos, a rejeição por parte de familiares também pertencentes a esta seita.

  Durante muitos anos presenciei muitos fatos que me levaram a questionar comportamento, conduta e ver que o verdadeiro amor ao próximo que nos foi ensinado tão maravilhosamente por Jesus Cristo  na realidade não era aplicado entre eles.  Aprofundei-me em pesquisas e, a cada nova descoberta, sentia como se o chão me faltasse, como se o ar que eu respirava fosse ficando mais raro, me sufocando sem contudo perder minha fé no verdadeiro Deus e Pai Celestial e em seu Filho Cristo.  A cada dia que passa, novas descobertas são  feitas, vejo sofrimento no olhar de muitas pessoas com quem convivi e ainda convivo, vejo homens e crianças sofrendo mas observo  mais, vejo mulheres – jovens e idosas – passando por problemas, sofrendo maus tratos por parte de maridos, sofrendo com depressão, muitas perdendo o sentido da vida e até outras com pensamentos suicidas.  Vejo mulheres que gostariam de se abrir, contar seus problemas, procurarem um ombro amigo em quem confiar, um lugar onde possam também chegar as conclusões que cheguei ou quem sabe até mais... Mas vejo muito mais além... Vejo meninas e adolescentes que sofrem abusos sexuais mas precisam ficar caladas  para não comprometerem seus verdadeiros pais,  padastros e até mesmo homens que são designados como anciãos congregacionais nas inúmeras congregações das Testemunhas de  Jeová em todo o mundo...  Vejo tais jovens sofrendo caladas com medo da denúncia e conseqüente expulsão ou não compreensão por parte das mães... E isso dói pois também sou mulher e mãe e não gostaria de passar por semelhante   e desumana experiência.

  Assim , resolvi criar  este página . Livre de preconceitos e sabedora de que a mesma  não poderá solucionar    de imediato todos os problemas nem sanar  as inúmeras duvidas existentes  de pronto mas, neste instante, estou lançando neste solo árduo,  parte de uma pequena semente ,  com a certeza de que um dia germinará e dará bons frutos.

  No meu caso, ainda preciso permanecer desta forma até que Deus misericordiosamente me mostre um caminho, aquele que me levará a gloriosa liberdade como uma serva  fiel, verdadeira e temente a ele, como uma Filha de Deus até lá, procurarei ajudar a quem se dispuser encontrar este caminho e deixar que a Pedra da Luz brilhe sobre ele.